Narcotráfico é tema de audiência pública promovida pela Câmara dos Deputados em Manaus

Amazonas – O Amazonas é uma das principais entradas de entorpecentes no Brasil e serve de rota para os produtos ilícitos serem enviados para países da Europa e Ásia. Por isso, Manaus foi escolhida para sediar uma audiência pública que irá debater o narcotráfico nas fronteiras e o custo da violência no país.

A audiência será promovida pela Frente Parlamentar Mista de Desenvolvimento Estratégico do Sistema Penitenciário, Combate ao Narcotráfico e Crime Organizado, da Câmara dos Deputados, que, em maio deste ano, realizou vistoria em três unidades prisionais do Amazonas após o massacre que terminou em 65 mortes.

O presidente da Frente Parlamentar, deputado federal Capitão Alberto Neto (Republicanos/AM), propôs a audiência para discutir medidas que possam favorecer o combate ao tráfico de drogas nacional e internacional que inicia com a entrada dos entorpecentes por rotas no Amazonas.

“Nosso estado é a grande rota do tráfico de drogas no Brasil e isso gera consequências terríveis para o Amazonas e, principalmente, para nossa capital que tem sofrido com a guerra entre facções criminosas. Todos os dias vemos estampados nos jornais as mortes e prisões resultado do narcotráfico que precisa ser combatido de forma enérgica”, disse.

O evento será realizado no dia 4 de outubro, no auditório do Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE-AM), situado na avenida Coronel Teixeira, bairro Nova Esperança, zona oeste, e está marcado para iniciar às 9h30. Os interessados em participar tem até o dia 1 de outubro para fazer inscrição no site www.e-inscricao.com/audienciapublica/participe. Estudantes receberão certificados de três horas complementares.

Anúncios