Agências da ONU e Rede de Proteção de Manaus lançam guia sobre atendimento a vítimas de violência

 No marco da campanha global dos “16 Dias de Ativismo Contra a Violência de Gênero”, o ACNUR (Agência da ONU para Refugiados) em conjunto com o UNICEF (Fundo das Nações Unidas para a Infância), o UNFPA (Fundo de População das Nações Unidas), o Governo do Estado do Amazonas e a Prefeitura de Manaus, lançam nesta quarta-feira (05/12) o documento “Fluxo de Resposta a Incidentes de Violência contra Mulheres, Crianças, Adolescentes, LGBTIs e Refugiados”.

O documento reúne as diretrizes sobre como prestar assistência a casos de violência – incluindo de gênero – no município de Manaus e quais são instâncias do sistema de proteção (tais como de assistência à saúde e suporte jurídico e psicossocial) disponíveis para o atendimento a mulheres, crianças, adolescentes, LGBTIs e refugiados que foram vítimas de violência sexual e de gênero.

A criação do documento foi resultado da Oficina de Fortalecimento da Rede de Proteção, promovida em agosto deste ano pelo ACNUR, UNFPA e UNICEF em parceria com órgãos públicos, como a Secretaria da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (SEMMASDH), a Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (SEMSA) e a Secretaria de Estado de Saúde (SUSAM).

 

Anúncios